sábado, 23 de maio de 2009

#5 Este mês sinto-me...


Demasiado bem comigo mesma... finalmente!

Há uns bons meses que não escrevia esta espécie de rubrica... talvez porque não tenho mesmo escrito nada sobre mim e sobre a minha vida mais pessoal ultimamente. Mas se não o fizesse este blog (em que não se fala nada em concreto a não ser da minha presença neste mundinho) não faria sentido.

Lembram-se das minhas palavras escondidas nestes posts?
Pois bem, vou relevar só agora, simplesmente porque este mês sinto-me demasiado bem comigo mesma e com as opções que tomei na minha vida desde então.
A razão pela qual andei tão confusa com os meus próprios sentimentos foi ter-me apaixonado por um dos meus melhores amigos, pela pessoa a quem confidenciei quase tudo da minha vida ao ponto de um dia até dizer: "amigo um dia tenho que te matar com as coisas que sabes sobre mim..."

Até aqui tudo muito bem, é bem mais fácil sentirmos algo por alguém que nos compreende, que está sempre ali quando precisamos, que nos ouve, que nos faz rir, que nos faz sentir bem... tudo bem se não fosse eu ter voltado à cerca de 2 meses para o meu ex, com quem tive uma relação de 3 anos um pouco atribulada é certo, mas que até à altura foi algo que nunca pensei conseguir deixar para trás, nem mesmo nas alturas que não estivemos juntos... enfim... foi o suficiente para abalar tudo na minha vida e deixar-me muito confusa como escrevi na altura.

Após 4 meses tenho a minha cabeça completamente livre de dúvidas, com todas as situações resolvidas da melhor forma. Na altura o primeiro impulso foi negar a mim mesma o que estava a sentir (ao ponto até de lhe apresentar uma das minhas melhores amigas, tipo "caldinho" para tirar essas ideias na minha cabeça). Agora neste momento olho para trás e ainda bem que tomei uma atitude, diferente da que tinha planeado que era ignorar este sentimento que HOJE me faz tão feliz.

BA - Obrigado por simplesmente existires na minha vida, se antes como amigo me aparavas nos momentos mais difíceis, agora como namorado completas os meus dias, mesmo naqueles que chego do trabalho desanimada, cansada e sem vontade para nada, consegues sempre fazer-me sorrir e rir e esquecer tudo o resto! Fazes-me sentir segura como não me sentia à muito tempo

Quanto às personagens da história: a minha amiga está quase de casamento marcado, após ter conhecido alguém também muito especial após dois meses desse ocorrido. Quanto ao meu ex, conheci a actual namorada no fim de semana e pareceu-me bem. =)


7 comentários:

BA disse...

:$ agora já te posso dizer publicamente o quanto te
Amo. .... Das coisas quem me dão mais alegria, é saber
Que te estou a fazer feliz. ...
Tens sido nos últimos meses, a alegria da minha vida. ...
É a ti que eu devo este sorriso que trago ultimamente
todos os dias na cara. ...(já começo a pensar ser não s
tornou num tique...:))
Fazes-me bem à saúde :P
Obrigado por me dares a alegria de qd abro os olhos
seres tu quem eu vejo....
Amo-te muito Ursana. .... Do fundo do meu coração. ...:D

BA

Ana disse...

Olha que história bonita:-))

Que corra tudo bem!

Rosie Dunne disse...

ainda bem que estas assim :)

sweetie disse...

Parabéns! =) Nada melhor do que estarmos com quem nos faz feliz a sério! =)

Margarida disse...

Desafio no meu blog ^^

Hannah disse...

Ohhh!!!!

Que BOMMMMM! Miga, fico mesmo feliz por ti e pelo BA!!!
Ai que bommmmmm... adoro demonstrações de amor e as vossas foram lindas.
Sabe tão bem amar e ser correspondido...

Bjinhosss

d(^^)b

Helena de Troia disse...

Bem.... what a movie! E eu que pensava que os meus filmes é que eram dignos de história.
Em primeiro lugar, tiro o chapéu ao BA por ter esperado por ti, sim senhor. Não são todos os homens que fazem isso.
E quando encontramos o Homem da nossa vida é tão bom!
ESTOU FELICÍSSIMA POR TI :D